Caixa busca 4 vice-presidentes – salário supera R$ 1 milhão por ano




Caixa Econômica Federal abriu processo para selecionar novos vice-presidentes para as áreas de corporativo, fundos de governo e loterias, governo e habitação. É a primeira vez na história da instituição que é feito um processo seletivo para essas vagas.
Os selecionados vão receber salário anual de 650.000 reais (contabilizando 13 salários), que, acrescida de remuneração anual variável de até 286.400 reais e 109.000 reais em benefícios, totaliza mais de 1 milhão por ano, de acordo com informe do banco público.
Podem participar do processo seletivo tanto candidatos internos como externos desde que preencham os requisitos para os cargos e não tenham impedimentos previstos em lei no âmbito do seu novo estatuto. Interessados podem inscrever-se até o próximo dia 20 de agosto.
Três das quatro vice-presidências da Caixa estão vagas desde janeiro após o presidente Michel Temer (MDB) destituir quatro executivos por suspeitas de corrupção no banco público. As recomendações foram do Ministério Público Federal do Distrito Federal e do Banco Central. A exceção é a vice-presidência de Habitação, ocupada interinamente por Paulo Antunes de Siqueira, desde que o antecessor Nelson de Souza foi nomeado presidente da Caixa, em abril, no lugar de Gilberto Occhi.
O processo de seleção dos novos vice-presidentes da Caixa está sendo comandando pelo Comitê de Indicação e Remuneração do banco público e será conduzido pela consultoria Russell Reynolds, especializada em recrutamento e seleção de CEO de grandes empresas.

Exigências

Para candidatos internos da Caixa, as exigências para participação do processo seletivo incluem ingresso no banco público por meio de concurso público, dez anos na instituição, já ter exercido cargo estatutário (diretor executivo, chefe de gabinete da presidência, entre outros) e curso superior concluído, dentre outras.
Para participantes externos, conforme processo do banco, são necessários no mínimo dez anos no setor público ou privado. A Caixa exige experiência de dois anos em cargos gerenciais em instituições do Sistema Financeiro Nacional ou quatro anos em cargos gerenciais na área financeira de empresas do porte da Caixa ou dois anos em cargos relevantes de órgãos ou entidades da administração pública.
Além disso, é preciso pós-graduação completa. Neste link, os candidatos podem verificar o perfil de competências e conhecimentos gerais necessários para a vaga. Todos os interessados devem entender de contabilidade financeira e mercado de capitais, por exemplo.
A lista de competências desejadas inclui comunicação estratégica, inteligência emocional. propósito de liderar e negociação complexa. São desejáveis conhecimento de mercado de capitais, governança e contabilidade financeira.
Para atuar em cada uma das vice-presidências, há pré-requisitos específicos. Os candidatos selecionados na primeira fase participam de uma avaliação de perfil até o dia 14 de setembro. As entrevistas serão em 17 de setembro.
(Com Estadão Conteúdo)

Comentários