Chediek solicita à Prefeitura o cadastro imobiliário de Araraquara




Em dezembro do ano passado, o vereador Elias Chediek (MDB) enviou à Prefeitura um pedido de informações sobre o cadastro imobiliário de Araraquara, juntamente com os colegas Dr. Elton Negrini (PSDB), Cabo Magal Verri (MDB), Gerson da Farmácia (MDB), Jéferson Yashuda Farmacêutico (PSDB), José Carlos Porsani (PSDB), Tenente Santana (MDB), Rafael de Angeli (PSDB) e Pastor Raimundo Bezerra (PRB). “Até a presente data, não obtivemos resposta. Por isso, estou reiterando e alterando a solicitação”, explica Chediek.
Por meio de um novo requerimento, o parlamentar está solicitando ao Executivo uma planilha de Excel, via digital, com as seguintes informações: inscrição cadastral, endereço do imóvel, área do terreno, área de construção, testada principal, fator de obsolescência e fator gleba. Além disso, pede os seguintes dados relativos a 2017 e 2018: valor venal do terreno, valor venal do prédio, valor venal do imóvel, alíquota, imposto líquido e descontos, se houve.
“O sistema informatizado da Prefeitura, que administra o banco de dados, pode rapidamente migrar dados pré-selecionados para planilhas do Microsoft Excel”, justifica Chediek. “As planilhas de Excel têm capacidade para mais de um milhão de linhas. Sendo assim, as informações aqui solicitadas, dos aproximadamente 120 mil imóveis do Município, podem ser facilmente migradas para essa ferramenta. Pode parecer complicado, mas é informática básica”, acrescenta.
O vereador enfatiza que os dados já existem. “A Prefeitura pagou uma empresa terceirizada para fazer esse levantamento. Por uma questão de transparência, solicito que as informações sejam enviadas também à Câmara Municipal”, conclui.

Comentários