Fábricas transformam-se em residências e ambientes de trabalho





Docente do Senac Araraquara valoriza a arquitetura aberta e dá dicas de como aplicar o estilo industrial de decoração de forma simples e barata
Após a crise americana da década de 1960, muitas fábricas fecharam suas portas deixando para trás amplos galpões localizados em áreas nobres das cidades. Com uma arquitetura aberta, ou seja, sem divisórias ou paredes estruturais, esses espaços começaram a ser utilizados pelos artistas, que buscavam a possibilidade de morar e trabalhar em um único lugar.
A partir de 1970, esse estilo industrial de decoração popularizou-se nos Estados Unidos da América (EUA) por sua singularidade e tornou-se uma verdadeira tendência que, até hoje, marca presença em casas, escritórios, cafés e restaurantes.
Segundo Welen D. Martins, docente da área de arquitetura e urbanismo do Senac Araraquara, o resultado foi a criação de espaços amplos  com tubulações elétricas e hidráulicas aparentes, paredes de concreto, tijolo, madeira, objetos compostos por cobre,  cores sóbrias como cinza e preto e a possibilidade de reciclagem e reuso de materiais.
"Para os adeptos do estilo e que desejam deixar o visual da casa moderno, sem abrir mão do conforto e da sofisticação, o ideal é compor os cômodos com luminárias, mesas, estantes e aparadores com 'ar' envelhecido."
            Outra dica da docente é investir nos tijolos aparentes ao invés do revestimento, que pode ser feito até com papel de parede. "É uma opção barata e simples, além de rápida." Também é possível usar canos de ferro e deixar a fiação à mostra.
Independentemente do estilo utilizado, Welen ressalta que os ambientes precisam oferecer boa amplitude e funcionalidade. "É preciso ficar atento à quantidade de mobiliário, dimensão das peças, cores e texturas utilizadas. Tudo precisa ser organizado de forma que haja um diálogo coerente e criativo em cada espaço. Ter um profissional qualificado à frente dessa avaliação pode trazer lindas surpresas diante de situações desafiadoras.''

Formação na área
Para acompanhar as tendências da área, o Senac Araraquara oferece o curso Técnico em Design de Interiores, com início em 3 de setembro. A qualificação prepara o aluno para a criação de projetos residenciais, comerciais e promocionais, além de ser ideal para quem planeja atuar na venda de móveis, acessórios de decoração e materiais que são tendência no segmento.
Os interessados em arquitetura e urbanismo têm ainda a opção de realizar cursos de curta duração para adquirir competências necessárias no início de carreira ou aprimorar o currículo. Com início, ainda, neste semestre, a unidade está com inscrições abertas para Decoração Prática; Feng Shui; Iluminação Residencial; e Perspectiva à Mão Livre.
Para mais informações sobre os cursos ofertados na área de arquitetura e urbanismo, basta acessar o Portal Senac: www.sp.senac.br/araraquara ou procurar a unidade.

Serviço:
Técnico em Design de Interiores
Data: 3 de setembro de 2018 a 23 de fevereiro de 2021
Horário: de segunda a quarta-feira, das 19h15 às 22h15
Local: Senac Araraquara
Endereço: Rua João Gurgel, 1.935 - Carmo - Araraquara/SP
Informações e inscrições: www.sp.senac.br/araraquara

Agosto/2018

Informações para a imprensa
ComTexto Comunicação Integrada
Gabrielle Chagas - gabrielle@ctexto.com.br
Tel.: 16 3324-5300/16 99711-3555
Fernanda Chiossi - fernandachiossi@ctexto.com.br
Tel.: 16 3324-5300/99766-2771

Comentários