Juliana Damus pede implantação de serviço de saúde mental





A vereadora apresentou requerimento sobre projeto de criação de Centro de Reabilitação
De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), saúde mental é um estado de bem-estar, no qual o indivíduo é capaz de usar suas próprias habilidades, recuperar-se do estresse rotineiro, dos traumas, ser produtivo e contribuir com a sua comunidade.
Nesse sentido, assegurar a humanização do atendimento em saúde mental, na perspectiva de garantia do direito humano à saúde de qualidade, passa a ser um compromisso do Estado.
Com o intuito de fiscalizar se Araraquara tem cumprido seu papel em oferecer tratamento e acolhimento adequados àqueles que necessitam, a vereadora Juliana Damus (Progressistas) elaborou requerimento que pede esclarecimentos à Prefeitura sobre projeto de criação do Centro de Reabilitação voltado à saúde mental, na cidade.
Famílias reivindicam
“Recebemos, em nosso gabinete, pedidos de familiares de pessoas, que precisariam estar em um local especializado para tratamento, mas que não possuem o suporte do município. Elaborei esse requerimento para saber se existem tratativas a respeito da criação de um espaço específico para atender pacientes com transtornos mentais e, se sim, qual é a previsão de inicio do atendimento. Muitas pessoas seriam beneficiadas e, enquanto poder público, é nossa obrigação assegurar o fomento à saúde mental de qualidade”, destacou Juliana.
O requerimento de nº 1058/2018 foi votado e aprovado durante a 73ª Sessão Ordinária, realizada na terça-feira (31), no plenário da Câmara Municipal, e encaminhado para a resposta do prefeito, Edinho Silva (PT).


Comentários