Petistas em greve de fome vão a Gilmar Mendes




Representantes do grupo de petistas que entrou em greve de fome para pressionar o Supremo a reanalisar a prisão após condenação em segunda instância vêm tentando fazer um périplo entre os gabinetes da corte.
Eles baterão à porta de Gilmar Mendes no final da tarde desta sexta (17), às 18h. O ministro, porém, não deverá recebê-los, mas, sim, um dos seus assessores.

FONTE: VEJA

Comentários