Recuperados de grave acidente na WL, pai e filha pedem instauração de processo criminal





Após cinco meses de recuperação, um pai de 50 anos e sua filha de 18 anos devem processar um motorista que seria o autor de um acidente ocorrido no km 233 da rodovia Washington Luís (SP-310). O fato aconteceu na manhã do dia 5 de março. Nesta sexta-feira, 17, eles compareceram ao 1º e 4º DPs para formular novo boletim de ocorrência.

As vítimas estavam em uma Twister e transitavam normalmente quando ocorreu uma colisão traseira, já que o motorista de 32 anos, que estava em uma caminhonete Silverado de Araraquara não teria conseguido frear a tempo. Ambos transitavam no mesmo sentido.
A moto foi arrastada por alguns metros e o impacto foi violento e as vítimas foram lançadas ao solo.
O pai alega que perdeu os sentidos e permaneceu cinco dias internado na Santa Casa devido a fratura na clavícula direita, fratura no pé direito e ferimentos no dedo polegar esquerdo. Em virtude do acidente teve ainda que retirar um coágulo que se formou em sua cabeça.  A filha sofreu fratura exposta na perna esquerda ficando imobilizada durante três meses.
Diante das lesões graves, as vítimas solicitaram a instauração de procedimento criminal.

fonte: São Carlos Agora

Comentários