Caixa autoriza abertura de licitação para obras do Pronto-Socorro do Melhado












Convênio totaliza quase R$ 4,2 milhões para as adequações estruturais no imóvel; outros R$ 4 milhões são aguardados para a compra de equipamentos

A Caixa Econômica Federal autorizou a Prefeitura a iniciar a licitação para as obras de reabertura do Pronto-Socorro do Melhado. O convênio totaliza quase R$ 4,2 milhões, sendo R$ 3.988.560,00 de repasse e R$ 206.249,06 de contrapartida municipal.

A notícia foi comunicada pelo prefeito Edinho, em transmissão ao vivo em sua página pelo Facebook. “Estou muito feliz, porque é resultado de uma obra do Orçamento Participativo, escolhida pela população. Corremos atrás dos recursos, com muito trabalho, para que a gente possa cumprir essa vontade da população”, disse o prefeito.

“Estamos mais próximos da realização desse sonho da reabertura do Pronto-Socorro do Melhado, que, não tenho nenhuma dúvida, vai mudar para melhor a Saúde de Araraquara. Quero agradecer a todos que trabalharam nesse processo”, ressaltou Edinho.

A reabertura do Pronto-Socorro do Melhado venceu a votação da Plenária da Cidade do Orçamento Participativo, em junho do ano passado, no salão do Clube 27 de Outubro. Na oportunidade, foram 93 votos para a reabertura da unidade de saúde.

Além desses recursos para as obras, outro convênio de R$ 4 milhões será utilizado para a compra dos equipamentos do pronto-socorro. A Prefeitura, nesse caso, aguarda o depósito dos recursos.

A unidade do Melhado será adequada para ser uma retaguarda ao sistema de saúde já existente na cidade, com 20 leitos hospitalares. Também haverá uma estrutura de apoio e diagnóstico (exames laborais, ultrassom, tomografia, raio-x).

O objetivo é que todos os casos mais urgentes das UPAs sejam enviados para a unidade do Melhado. São casos de pacientes que estão na espera de diagnóstico e internação. Isso vai reduzir o número de internações na Santa Casa de Araraquara.


Comentários