CASAL É ACUSADO DE MATAR GATOS NO PARQUE SÃO PAULO EM ARARAQUARA




Moradores do Parque São Paulo registraram um boletim de ocorrência contra um casal de safados que vem matando gatos pelo bairro.

Segundo as denuncias, câmeras de seguranças já flagram os acusados dando bolinhas de carne moída com chumbinho para os gatos, onde diariamente acaba morrendo um na região. O caso foi registrado em boletim de ocorrência, mas ainda segundo os denunciantes a polícia até o momento não fez absolutamente nada.

Já morreram diversos gatos no bairro, e laudos de veterinários também comprovam o envenenamento causado por criminosos.






Comentários

  1. Desgraçados, filhos dos infernos! Moradores, divulguem a foto e o endereço desses demônios!

    ResponderExcluir
  2. A policia não é obrigada a fazer alguma coisa? Ou será que também estão de acordo? Diz a LEI: Cumpre à autoridade policial receber a denúncia e fazer o boletim de ocorrência. O policial que se negar a agir estará cometendo crime de prevaricação (retardar ou deixar de praticar, indevidamente, ato de ofício, ou praticá-lo contra disposição expressa de lei, para satisfazer interesse ou sentimento pessoal – art. 319 do Código Penal). Caso isso aconteça, há como queixar-se ao Ministério Público ou à Corregedoria da Polícia Civil.

    Assim que o escrivão ouvir seu relato sobre o crime, a ele cumpre instaurar inquérito policial ou lavrar Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO). Negando-se a fazê-lo, sob qualquer pretexto, lembre-o de que ele pode ser responsabilizado por crime de prevaricação, previsto no Art. 329 do Código Penal Brasileiro (retardar ou deixar de praticar indevidamente, ato de ofício, ou praticá-lo contra disposição expressa de lei para satisfazer interesse ou sentimento pessoal). (Leve esse artigo por escrito.) E porque a policia ainda não tomou conhecimento? Será que agora ser criminoso é moda?

    ResponderExcluir

Postar um comentário