Durante assalto, estudante não entrega celular e é morto a tiros por criminoso




A recusa em dar o celular a um assaltante, resultou na morte do estudante Brenner Bryan Alves Teixeira, 17 anos, na tarde desta quarta-feira, 17. O assassinato aconteceu em um ponto de ônibus na rua Silveira Martins, próximo a E.E. Thomaz Alberto Whately, na zona norte de Ribeirão Preto.

Segundo informações de testemunhas, o ladrão que era calvo e aparentava ter 30 anos, se aproximou da vítima e ordenou que entregasse o aparelho. Com a recusa, o criminoso que estava armado, desferiu vários tiros a sangue frio.


Posteriormente fugiu com um comparsa em um Fox. Imagens do assaltante foram divulgadas e a Polícia caça o criminoso.

Fonte: São Carlos Agora

Comentários

  1. Para mim assaltante que mata vitima deveria ter o mesmo destino, o Brasil precisa ter pena de morte para casos como este.

    ResponderExcluir

Postar um comentário