GRAVE ACIDENTE EM RODOVIA MATA TRÊS MULHERES E DEIXA FERIDOS





Três pessoas morreram em um acidente de trânsito na manhã desta quinta-feira, dia 17, na rodovia Odilon Nogueira de Aguiar que liga Paranapuã a Mesópolis. No carro acidentado estavam cinco pessoas. Três mulheres não resistiram aos ferimentos e morreram, enquanto outros dois homens foram socorridos pela equipe do resgate.
Segundo informações do Corpo de Bombeiros, o acidente aconteceu depois que a motorista do veículo tentou desviar de um tamanduá que atravessava a pista. Foi quando ela perdeu o controle da direção e atingiu uma árvore às margens da rodovia.
Com o impacto da batida, a médica Chimene Castelete Costa, de 35 anos, a dentista Luciane Leiko Sugai Kanawa, de 39 anos, e a fisioterapeuta Luely Carla de Souza, de 26 anos, que trabalhavam em Mesópolis, não resistiram aos ferimentos e morreram.
Outras duas pessoas foram socorridas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e pelos bombeiros. Por meio de nota, a assessoria de imprensa da Santa Casa de Jales confirmou que o ex-vereador de Jales, Sérgio Nishimoto, um dos sobreviventes do acidente, teve fraturas na perna direita e seu estado de saúde era considerado estável até a tarde desta quinta. O estado de saúde da outra vítima não foi divulgado.
Com a morte das três funcionárias que trabalhavam no Centro de Saúde de Mesópolis, a Prefeitura da cidade decretou luto oficial de dois dias. O sepultamento de Luciane vai acontecer na noite desta quinta, no Cemitério Municipal de Jales. Chimene será sepultada também em Jales na manhã desta sexta-feira, dia 18. Já Luely será sepultada na tarde desta sexta, no Cemitério Municipal de Marinópolis.


Fonte: .diariodaregiao

Comentários

  1. Se fosse presos sendo transportados com certeza nao morreria nenhum e sim os policiais que estavam juntos.

    ResponderExcluir
  2. Não importa se eram presos, mulheres , crianças ou animais! O que importa é que eram vidas que terminaram tragicamente!

    ResponderExcluir

Postar um comentário