ACUSADO DE MATAR IDOSO PODE TER SIDO O VIZINHO








O acusado de matar o idoso José da Silva, de 65 anos pode ter sido o próprio vizinho. A família relatou que não consegue entender os motivos do homicídio, pois a vítima segundo a família era uma pessoa tranquila e sem problemas com ninguém.

A família relatou também que a morte ocorreu no bar, e que na hora da briga o bar estaria aberto e frequentadores teriam assistido a briga.

A Polícia Militar já esteve na casa do suposto acusado mas até o momento não conseguiram ainda localizar.




VELÓRIO E SEPULTAMENTO.

José da Silva está sendo velado na Fonteri desde das 13:30 desta segunda-feira (04), e o sepultamento está marcado para amanhã no Cemitério São Bento às 09:00






ENTENDA O OCORRIDO.



Por volta da 00:30 desta segunda-feira (04), um idoso de 65 anos identificado como José da Silva foi morto a facadas na Avenida Remo Frotarolli, no Parque das Hortênsias em Araraquara.

Segundo informações, populares ligaram para o SAMU e relataram que tinha uma vítima caída em frente do CRAS e de um bar sangrando. Imediatamente  a U.S.A (Unidade do Suporte Avançado), foi para o local  encontrou a vítima já em óbito com várias marcas de facadas pelo corpo.

No bolso da vítima foi encontrado uma tesoura, que pode levantar hipótese que a vítima foi até o bar para resolver algum problema e tenha sido morta.

Viaturas da Polícia Militar foram para o local, e Polícia Científica também, mas populares negaram a comentar qualquer coisa sobre o assunto.

O caso foi apresentado no Plantão Policial de Araraquara, e deve ser registrado como homicídio e uma investigação deve ser aberta para apurar e tentar identificar o acusado.

Comentários