BEBÊ MORRE ELETROCUTADA APÓS COLOCAR CARREGADOR DE CELULAR LIGADO NA BOCA













Não é incomum ver notícias sobre carregadores que causaram acidentes fatais às pessoas. E agora, uma bebê de dois anos de idade, chamada Shevar, foi eletrocutada até a morte após colocar o objeto na boca.

COMO ACONTECEU

A mãe da pequena precisou deixar a filha brincando sozinha por alguns minutos em um cômodo da casa. Porém, no mesmo quarto, havia um carregador ligada à tomada, sem um celular conectado ao dispositivo, já que um membro da família fez uso do aparelho e esqueceu de retirar o objeto.
Por conta da curiosidade, normal para a idade, a menina acabou colocando o carregador na boca. Foi nesse momento que ela recebeu uma grande descarga elétrica e faleceu.
O acontecimento apenas ressalta a importância de retirar o carregador da tomada após o uso, especialmente para quem tem filhos pequenos em casa.

CUIDADOS COM O CARREGADOR DE CELULAR

Segundo o engenheiro eletricista João Carlos Lopes Fernandes, doutor e professor de Engenharia Elétrica do Instituto Mauá de Tecnologia (SP), o risco de descargas elétricas enquanto o celular está carregando é raro. Isso acontece, geralmente, quando o carregador que está sendo usado não é original.
O ideal é usar carregadores e cabos originais do aparelho, já que as voltagens entre os modelos são diferentes. "Os carregadores originais, feitos para o aparelho, têm um controle e proteção maiores durante o carregamento", explica o especialista. Os carregadores originais entendem quando a bateria está completa e suspendem o carregamento sozinhos.

Comentários