Roupas para pets: saiba a melhor forma de proteger seu cachorro do frio







Já dissemos aqui que se engana feio quem pensa que pets não sentem frio. Sim, eles sentem. Mais do que isso: podem ficar doentes com as baixas temperaturas, em especial filhotes e animais idosos. 
Embora a gente veja por aí cachorros caminhando em um frio de renguear cusco, muitos deles estão protegidos por uma camada de gordura debaixo da pele, o que ajuda a manter a temperatura do corpo. Agora, pet de pelo curto e aqueles mais magrelos precisam de uma ajudinha, ainda mais quando os termômetros começam a cair.

E isso não vale apenas para os animais de companhia. Cães de guarda, aqueles que pernoitam no pátio de casa ou de uma empresa, precisam de uma forcinha extra. Isso também vale para encorajá-los a partir para a ronda noturna. Com um frio muito intenso, esses cães podem se enfiar dentro de suas casinhas e pensar duas vezes antes de enfrentar o frio para verificar que barulho foi aquele.
Pexels / Divulgação
Roupas com capuz, como a da foto, podem até ser fofas, mas atrapalham a visão periférica do cão e causam desconforto

Mas atenção à roupa:

  • Ela deve ser aliada, não inimiga do seu cachorro;
  • Isso porque deve o tutor primar pelo conforto, não pela estética de um agasalho;
  • Se livre de roupas com capuz. Elas só prejudicam a visão periférica do cachorro e causam desconforto;
  • Fivelas, além de apertar, podem enganchar seu pet nas cobertas
  • Prefira tecidos leves e quentes, como malha ou soft. Elas acabam ficando surradinhas em pouco tempo mas o que importa é um pet aquecido;
  • A melhor roupinha que tem é aquela que seu cão gosta de usar e costuma ser aquelas que não apertam o pescoço, não impedem o movimento dos cotovelos e deixam a barriga livre para fazer xixi;
  • Esqueça tecidos duros;
  • Esqueça os sapatinhos. Eles só são úteis se acostumados desde filhotes e a maioria dos cães se atrapalha com eles;
Se seu pet é arredio ao uso de roupas, mas bate os dentes de frio, coloque a roupinha por 30 minutos todos os dias e vá aumento gradativamente. Isso pode levar semanas porque tem cachorro que morde as roupas tentando se livrar delas. O melhor ainda é acostumar o bichinho desde filhote. Há animais que adoram um agasalho e até ajudam o tutor facilitando o trabalho na hora de vestir.
Pexels / Divulgação
A dica é acostumar os pets com as roupas para frio desde filhotes



Importante: não deixe o pet ficar com roupa o dia todo. Se ele tem pelo longo, vai começar não apenas a embolar o pelo – e dar uma trabalheira na hora de tirar os nós – como pode contribuir com a proliferação de fungos. Escolha um momento do dia para deixar seu mascote algumas horas sem agasalho. Isso ajuda a ventilar o pelo e a deixar a pele com aspecto mais saudável. 
 Daisy Vivian é diplomada pela UFRGS em Medicina Veterinária e Jornalismo. É autora dos livros "Cães e Gatos Sabem Ajudar Seus Donos" e "Olhe-me nos Olhos e Saiba Quem Você É", histórias reais sobre pessoas e seus animais de estimação. Escreve semanalmente em revistadonna.com  

Comentários