Uber Off: motoristas farão greve internacional nesta quarta, data do IPO






Motoristas do Uber de vários países, como Brasil, Estados Unidos e Inglaterra, vão cruzar os braços nesta quarta-feira (8) por melhores condições de trabalho. A ação ocorre dias antes de as ações do aplicativo de transporte começarem a ser negociadas na Bolsa de Nova York.

Os motoristas pedem mais segurança; melhores salários, com o fim do cálculo antecipado do preço das viagens; e uma regulação da tarifa, com pelo menos 80% do valor da corrida garantido aos motoristas.
Os profissionais brasileiros que atuam no aplicativo também têm manifestado nas redes sociais o descontentamento com as condições de trabalho e de remuneração. A adesão ao movimento de paralisação parte tanto de motoristas independentes quanto de associações estaduais – envolverá ao menos São Paulo, Rio de Janeiro, Minais Gerais, Rio Grande do Sul, Tocantins, Pernambuco, Espírito Santo e Bahia.
A comunicação e mobilização para a greve entre os motoristas se dá por meios de grupos de WhatsApp e Telegram, além de páginas do Facebook.

Fonte: UOL

Comentários