Trabalhadores da Volkswagen paralisam as atividades e aderem à Greve Geral













Os trabalhadores da Volkswagen aderiram ao movimento de Greve Geral que tem manifestações em diversas cidades do Brasil na manhã desta sexta, 14. Segundo o apurado, os metalúrgicos da empresa cruzaram os braços e devem participar dos atos que ocorrem no dia de hoje. A reportagem apurou que a Tecumseh, empresa que recentemente demitiu trabalhadores, não parou a produção, o turno da manhã da Electrolux também não paralisou as atividades.
O movimento de Greve Geral é organizado em São Carlos pelos Sindicatos dos metalúrgicos, servidores públicos, inclusive o SINDSPAM, professores, movimentos sociais, partidos políticos de esquerda e organizações estudantis, assim como o SINTUFSCar (sindicato dos servidores da UFSCar) e as legendas PCB, PCdoB, PSOL, PT, Consulta Popular, Levante popular, DCE UFSCar, Apeoesp, Sindicato dos Metalúrgicos, Sintusp, Adufscar, Conlutas,  CAASO, PLPs (Promotoras Legais Populares) e terá três pontos de concentração que serão a região da Rodoviária, a Praça Itália e a Baixada do Mercado Municipal.
A intenção da manifestação é protestar contra o projeto de Reforma da Previdência Social que foi proposto pelo Governo Federal chefiado por Jair Bolsonaro (PSL). O protesto também abrangerá os cortes na educação e aos órgãos de fomento à pesquisa (como CAPES e CNPq) realizados pelo Ministério da Educação.
Nos dois primeiros protestos em 15 de Maio e 30 do mesmo mês, a organização afirmou que a cidade colocou pelo menos 20 mil pessoas nas ruas. Foram 15 mil no primeiro protesto e 5 mil no segundo.
O transporte público não parará, pois segundo consta, a assembleia que seria realizada para a categoria não aconteceu porque os trabalhadores não compareceram.
Confira as concentrações:
UFSCar às 8h: Estudantes e trabalhadores na UFSCAR
USP às 8h:  Estudantes e trabalhadores na USP
Rodoviária Municipal às 9h: Encontro das concentrações da USP, UFSCar e APEOESP
Praça Itália às 09h: Metalúrgicos, trabalhadores rurais, servidores municipais, outras categorias

Fonte: São  Carlos em Rede

Comentários