Área Azul passa a ter novos valores a partir de 29 de outubro





O serviço de estacionamento rotativo nas ruas de Araraquara, a Área Azul, passa a ter novas tarifas a partir de 29 de outubro, conforme contrato firmado com a empresa Estapar Estacionamentos, operadora do sistema, que prevê aumento anual.
As alterações nos valores serão as seguintes: para estacionar por 30 minutos, a tarifa passa de R$ 1,30 para R$ 1,40; por 1 hora, de R$ 2,60 para R$ 2,80; por 2 horas, de R$ 3,90 para R$ 4,20; a tarifa pós-utilização passa de R$ 6,50 para R$ 7; enquanto a tarifa de regularização sairá de R$ 13 para R$ 14.
As tarifas não eram reajustadas desde janeiro do ano passado e tiveram a correção acumulada desse período. “Era 1 ano e 10 meses sem reajuste. O contrato com a empresa prevê reajuste anualmente, mas nós seguramos um pouco”, afirma o coordenador de Mobilidade Urbana, Nilson Carneiro. Ele explica que a nova tarifa permite o equilíbrio econômico-financeiro do sistema e novos investimentos no serviço.
De acordo com esse mesmo contrato, 55,1% do que é arrecadado pela Área Azul são destinados ao Fundo Social de Solidariedade, que encaminha esses recursos a entidades sociais.
Além disso, também é realizada anualmente a ação “Estacionamento Solidário”, quando todos os recursos arrecadados em um determinado dia é destinado a uma entidade ou instituição. Neste ano, a AAEE (Associação de Atendimento Educacional Especializado), que atende pessoas com necessidades educacionais especiais, recebeu quase R$ 11 mil por meio do “Estacionamento Solidário”.

Rotatividade
A Área Azul incentiva a rotatividade e a ocupação das vagas existentes nas ruas. Desde que foi implantada, a cidade foi beneficiada com uma melhor organização no trânsito central, como praticidade e autonomia no uso dos parquímetros e maior rapidez e facilidade para encontrar vagas próximas.
O município também conta com o monitoramento de vagas, feito com veículos especiais equipados com câmeras panorâmicas, GPS e leitor de placas que identificam e alertam a autoridade de trânsito sobre o eventual uso irregular das vagas públicas. O objetivo é democratizar o uso do estacionamento rotativo.


Comentários