Cuidado pra não cair no golpe do falso boleto de IPVA



Boletos falsos de cobrança do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) estão sendo mandados para consumidores em todo o País. Em poucos lugares, este imposto é cobrado através de boletos, enviados pelos Correios. Em outros, como o Estado de São Paulo, o pagamento é feito diretamente no banco, caixas eletrônicos ou internet banking através do número do Registo Nacional de Veículos (Renavan). 
A orientação para não cair em golpes é simples: desconfie de quaisquer boletos recebidos por Correios, e-mail ou aplicativos de mensagens como WhatsApp.

Comentários