JUIZ IMPEDE MANINFESTAÇÃO EM FRENTE A CASA DO PREFEITO EDINHO SILVA.





Juiz proíbe mobilizações em Araraquara 


O Juiz de direito da Comarca de Araraquara, Dr. João Battaus Neto,  expediu liminar proibindo qualquer mobilização na cidade  no próximo sábado, em qualquer local do município. O pedido foi em decorrência de ação  de Obrigação de Não fazer movida pela Procuradoria do Município de Araraquara por conta de ato convocado em redes socais. A mobilização era chamada para a frente do Tiro de Guerra de Araraquara e para posterior direcionamento para a casa do prefeito Edinho Silva. 


Um dos líderes do movimento é L.H L.S, que tem seu perfil em redes sociais. fez várias postagens convocando a mobilização. O Juiz de Direito João Battaus Neto estabeleceu multa de 200.000,00 reais caso sua sentença seja descumprida. Segundo o juiz as mobilizações ferem os decretos, estadual e municipal, que estabelece distanciamento social como medida epidemiológica de combate a pandemia. A cidade de Araraquara totalizou nessa sexta-feira 333 óbitos, mesmo tendo um cenário melhor em relação à pandemia que nos meses anteriores, as autoridade de saúde do município tem alertado para a necessidade de manutenção das medidas de combate ao covid19, já que o risco de contaminação ainda é muito grande. O Brasil totalizou 325,5 mil mortes, só nas últimas 24 horas foram 3.769 óbitos, só estado de São Paulo totalizou 1.082 mortes nas últimas 24 horas, sendo 75.734 mortes na pandemia.