SP tem retorno obrigatório às aulas presenciais nesta quarta

 



Estudantes de todo o estado de São Paulo, tanto de escolas públicas como privadas, deverão retornar presencialmente às aulas nesta quarta-feira (3). Na prática, o retorno será para 100% dos alunos, porque não há mais necessidade de distanciamento entre as carteiras.

A Seduc (Secretaria de Educação do Estado de São Paulo) havia determinado o retorno presencial obrigatório no dia 18 de outubro, mas com a exigência de distanciamento de 1 metro entre as carteiras nas salas de aula. No entanto, 75% das escolas da rede estadual tiveram de manter o rodízio de alunos por falta de espaço nas salas. 

A partir desta quarta, não existe mais a obrigatoriedade do distanciamento de 1 metro e, em consequência, não haverá mais revezamento entre os alunos nas aulas presenciais, o que deve ampliar o acesso e a frequência à escola. Agora, na educação básica, 100% dos estudantes poderão estar presentes simultaneamente.

De acordo com o anúncio do governo do estado, só poderão permanecer no ensino remoto os estudantes que fazem parte de grupos de risco, como gestantes e puérperas, pessoas com comorbidades com idade a partir de 12 anos que não tenham completado o ciclo vacinal contra a Covid-19 e menores de 12 anos que pertençam ao grupo de risco para a doença e/ou apresentem condição de saúde de maior fragilidade.

Fonte:R7