Crea-SP realiza força-tarefa em Araraquara e região

 



Entre os dias 25 e 29 de julho, o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Estado de São Paulo (Crea-SP) realiza força-tarefa em Araraquara e região. Com caráter orientativo e preventivo, a ação tem como foco assegurar a presença de profissionais habilitados à frente das atividades abrangidas pelo Conselho para garantir a segurança da população. A cerimônia de abertura acontece na segunda-feira (25) às 10h, na Rua João Gurgel, 1881, no centro deAraraquara.
 

Estão previstas cerca de 230 diligências em Araraquara, Américo Brasiliense, Cândido Rodrigues, Fernando Prestes, Rincão, Santa Lúcia, Taquaritinga, Dobrada, Matão, Santa Ernestina, Jaboticabal, Guariba, Monte Alto, Motuca, Pirangi, Taiaçu, Taiúva, Taquaral, Vista Alegre do Alto, Boa Esperança do Sul, Borborema, Gavião Peixoto, Itápolis, Nova Europa, Tabatinga e Trabiju. Na ação, 10 agentes fiscais identificados atuam em postos de combustíveis e empresas sem registro ou responsável técnico.
 

“Como em todas nossas atuações em diferentes regiões do Estado, temos como objetivo auxiliar e orientar o cumprimento da legislação. Nesse sentido, a fiscalização é fundamental para que possamos garantir a segurança da sociedade e dos profissionais”, pontua o gerente regional do Crea-SP, Eng. Carlos Consolmagno.
 

Balanço do primeiro semestre 

O Crea-SP encerrou o primeiro semestre de 2022 com mais de 213 mil ações de fiscalização em todo território paulista. O número representa mais da metade do objetivo estabelecido para este ano, de 400 mil fiscalizações, e já é próximo do acumulado durante todo 2021, que consolidou 291 mil operações e marcou um recorde histórico para o Conselho.  
 

De 2015 a 2021, as fiscalizações do Conselho aumentaram cerca de 900%. O crescimento se deve ao uso das tecnologias para apoio às atividades, com pesquisas e apurações remotas, antes dos agentes fiscais irem a campo, e à adoção do modelo das forças-tarefas no Estado.

Denúncia 

O Crea-SP abre canais em todas as unidades de atendimento para o registro de queixas, além do site; dos telefones 0800 017 18 11 ou 0800 770 27 32 e do e-mail: faleconosco@creasp.org.br.

São infrações à legislação profissional: a ausência de responsável técnico em projetos, execuções ou prescrições; obras clandestinas; falta de placa na obra ou de identificação de responsável em atividades sujeitas à fiscalização; produção irregular de material ou insumo aplicáveis na Engenharia, Agronomia e Geociências; e outras situações relacionadas à violação do exercício técnico.
 

Sobre o Crea-SP - Instalada há 88 anos, a autarquia federal é responsável pela fiscalização, controle, orientação e aprimoramento do exercício e das atividades profissionais nas áreas da Engenharia, Agronomia e Geociências. O Crea-SP está presente nos 645 municípios do Estado, conta com cerca de 350 mil profissionais registrados e 95 mil empresas registradas.